domingo, 19 de julho de 2009

Bem ou Mal: Ele Lutou

Confesso, a primeira vez que entrei em sua casa para o conhecer fiquei intrigado e, de certa forma, apreensivo. Que homem seria esse que, à entrada da sua casa, orgulhosamente escreve: "Bem ou mal, mas lutei"?

Sabia do seu passado militar, sabia dos feitos que lhe são atribuídos. Nesse ano os jornais, a TVM trouxeram-no à ribalta para falar do Nó daquele general português que pretendia estrangular a FRELIMO em dias, que foi desatado sob suas ordens.

Esperava encontrar um homem com uma postura tipicamente militar. Ríspido. A foto de parede tirada em trajes militares patente na sala de visitas só ajudava a cimentar essa imagem. Enganei-me.

O homem que conheci era bem diferente dessa imagem: simples, afável, ponderado e de uma lucidez intelectual de fazer inveja. Falava pausado como que a medir cada palavra que dizia, como que a querer certificar-se de que era compreendido.

Ficamos amigos. Era meu pai também. Dizia que sogro é algo distante. Falávamos muito. Tinha orgulho do seu passado. Podia ter ficado à sombra do regulado do seu pai que era respeitado e temido em Gaza, mas preferiu juntar-se ao movimento que seu tio fundara e, tal como esse, lutar por Moçambique.

E lutou.

Se calhar hoje perceba a dimensão de "Bem ou mal, mas lutei."

Nos últimos dias vinha lutando contra um cancro. Há de ser a única batalha que o derrubou. E derrubou-o do facto.

Pouco antes das 12 horas de Domingo dia 19 de Maio, na Clínica especial do HCM, o médico anunciava que Cândido Jeremias Mondlane já não pertencia ao mundo dos vivos.

O maldito cancro derrubara o Major General (na reserva) Cândido Jeremias Mondlane.

Que descanse. Ele merece.

8 comentários:

X!mb!t@nE disse...

Paz a sua alma!

Julio Mutisse disse...

Thanks Xim. Amanhã a família e o Estado, a quem ele serviu, fielmente, prestarão homenagem nos paços do Município em Maputo e será sepultado (por vontade própria e expressa) em Xai-Xai sua terra Natal, ao lado dos seus.

Nero Kalashnikov disse...

Que Deus o tenha e que descanse em paz. Bem ou mal, lutou...

Wakuichinga disse...

Defacto caro Mutisse

Bem ou mal o velho Lutou. quanto a mim direi que Deus o tenha na paz de todos os homens de bem.

Julio Mutisse disse...

Bem ou mal o velho lutou mesmo. A família, amigos, companheiros de luta, camaradas, vizinhos e o Estado que ele ajudou a implantar acompanharam-no com as honras devidas a um General da sua craveira a sua última morada. Que descanse o velho Mondlane.

Anônimo disse...

Muita força a familia e amigos.

Quero aproveitar este espaço para dar a minha vénia ao nosso heroi e Major General Candido Mondlane.

Orgulhosamente Moçambicano
Nuno Amorim

Nunoamorim disse...

Muita força a familia e amigos.

Quero aproveitar este espaço para dar a minha vénia ao nosso heroi e Major General Candido Mondlane.

Orgulhosamente Moçambicano
Nuno Amorim

Custódio Duma disse...

Que o velho descanse em paz.

Que a sua alma descanse em paz e que os frutos do seu trabalho se multipliquem meu amigo Mutisse!